Home > Bem-estar > Como deve ser um apartamento para quem mora sozinho

Como deve ser um apartamento para quem mora sozinho

dicas para quem vai morar sozinho

Atualmente a ideia de morar sozinho já não é um empecilho para muita gente. Pelo contrário, para os mais novos, que estão saindo de uma faculdade e prestes a ingressar no mercado de trabalho, morar sozinho pode ser uma experiência interessante.

É comum que hoje em dia, os jovens profissionais, na faixa etária dos 20 e poucos anos, ainda com pouco dinheiro e ainda almejando se consolidarem em suas respectivas carreiras, optem por morarem sozinhos durante um período para depois constituírem uma família.

No entanto, em alguns casos, a experiência de morar sozinho tendo um espaço para si e com mais privacidade pode ser algo tão positivo que não é surpresa saber que muitos optam pela solteirice por mais tempo.

Por isso, uma das atuais tendências em relação a imóveis são os apartamentos pequenos, tais como lofts e kitnets, por exemplo. Cada vez mais esses tipos de apartamentos são requisitados.

O espaço nas grandes cidades

Curitiba já se consolidou como uma das capitais mais prósperas do país, caracterizada pelo seu planejamento urbano e por seu perfil de cidade ecológica, bem como por suas oportunidades para quem almeja entrar no mercado de trabalho.

Assim como várias metrópoles do Brasil, tais como Porto Alegre, São Paulo e Florianópolis, Curitiba cada vez mais atrai pessoas, se tornando um centro para estudantes e profissionais das mais variadas áreas.

Nesse contexto, a busca por imóveis em Curitiba cresceu de maneira significativa nos últimos anos. E quando o assunto são estudantes em busca de formação profissional ou jovens procurando o seu primeiro emprego, as alternativas mais viáveis em termos de imóveis para alugar são os apartamentos pequenos.

No caso da capital paranaense, existe uma significativa oferta de apartamentos com poucos cômodos, ideais para quem pretende morar sozinho.

Além disso, tais imóveis são localizados nos mais variados bairros, próximos de escolas e de diversos pontos comerciais e de trabalho.

Pequenos sim, confortáveis também

Nessa busca pelo local ideal para morar, se engana quem pensa que imóveis pequenos são sinônimos de desconforto e pouco espaço. Pelo contrário, para quem mora sozinho eles podem significar uma excelente opção de economia, tranquilidade e conforto.

No caso de uma pessoa solteira, uma boa alternativa é procurar apartamentos para alugar de 1 quarto. Eles são mais baratos e a pessoa também não terá tantas despesas com organização e muitos gastos com água e energia elétrica.

Por isso, vale conhecer o que existe hoje em dia quando a questão envolve os imóveis compostos por poucos dormitórios. Apesar do tamanho reduzido, eles se adaptam perfeitamente às condições de quem pretende morar sozinho.

Sendo assim, o tipo de imóvel mais comum atualmente em se tratando de moradores solteiros são os kitnets e os lofts. Apesar de algumas semelhanças entre eles, eles também contam com diferenças. Saiba quais são:

Kitnets

Quando falamos em apartamentos mais compactos, os kitnets são os mais conhecidos. Esses imóveis são caracterizados por ter o perfil de um apartamento convencional, porém conta com, no máximo, 50 metros quadrados.

De acordo com o próprio nome em inglês denota, “kitnet”, ou seja, uma “cozinha pequena”, esses apartamentos geralmente contam com um quarto que também é uma sala, um banheiro em separado e uma cozinha.

Lofts

Contam com dimensões um pouco maiores do que os kitnets, porém são diferenciados por uma característica bastante peculiar: eles contam com cômodos integrados, com a exceção do banheiro.

Essa integração dos cômodos confere para os lofts um espaço mais amplo, sendo ideal para quem aprecia um local pequeno, mas que ainda assim permite uma sensação de “apartamento gigante”.

É interessante salientar também que, por causa da sua configuração diferenciada, os lofts permitem decorações mais criativas e ousadas. Não por acaso, tais imóveis consistem em uma opção de moradia para pessoas ligadas ao mundo das artes.

O apartamento para quem mora sozinho

Independente de ser um loft ou um kitnet, o apartamento ideal para quem já mora ou ainda pretende morar sozinho tem que atender as necessidades do seu morador, possibilitando assim que a experiência de ser independente seja positiva.

Sendo assim, na hora de escolher o imóvel onde você for morar, não deixe de prestar a atenção em alguns pontos que são importantes. Entre os requisitos básicos é possível citar:

A questão do preço

Que o aluguel de um apartamento pequeno é caracterizado por ter um valor mais acessível não é dúvida para ninguém. Porém, é muito importante levar em consideração as suas atuais condições financeiras.

Questões como contas de água, luz, transporte, alimentação, entre outros detalhes podem pesar no seu orçamento, complicando assim a sua vida de solteiro. Por isso, é importante pesquisar imóveis compatíveis com o que você ganha.

O estado de conservação

Apenas porque o apartamento é pequeno não significa que ele tenha que apresentar vazamentos, rachaduras nas paredes, mofo, entre outros problemas. É essencial que, para o seu conforto e segurança, o imóvel esteja em boas condições de moradia.

Por isso, quando for visitar o imóvel antes de alugar, confira com atenção esses tipos de detalhes. Eles podem fazer toda a diferença para que a sua experiência morando sozinho não tenha nenhum tipo de transtorno.

Conheça bem o bairro

Independente que você seja um estudante ou alguém já no mercado de trabalho, o fato é que você vai necessitar de horas de descanso e momentos de relaxamento, seja para ler, estudar ou dormir.

Sendo assim, é importante saber se o futuro bairro onde você vai morar costuma ser agitado ou não. Uma das alternativas para se certificar é visitar o local em horários diferenciados.

Além disso, outra vantagem de visitar o apartamento em horários distintos é saber como é a iluminação interna dele. Ou seja, em quais horários do dia ele é melhor iluminado e arejado. Isso é útil para evitar a proliferação de mofo e também para ter plantas no ambiente.

Conclusão

Portanto, quem pretende experimentar, nem que seja por um breve período, a sensação de morar sozinho e quer encontrar apartamentos para alugar deve dar atenção para os detalhes citados.

E se você conhece alguém que está se aventurando ou quer ser aventurar morando sozinho, não deixe então de mostrar esse post para essa pessoa.

Texto escrito pela equipe do Portal Chaves na Mão

Faça um comentário