Cortineiro embutido no gesso

Cortineiro de gesso sobreposto ao teto.

Recebo muitas dúvidas sobre este elemento da decoração, por isso hoje vou falar um pouquinho sobre cortineiros de gesso.

Quando você opta por usar uma cortina de trilho, ou uma persiana  pode notar que na parte superior da cortina, onde ela se encaixa no trilho, fica faltando acabamento.

Há algum tempo atrás era bem comum o uso de “caixinhas” de madeira para esconder esta emenda mas hoje o mais indicado pelo acabamento é o cortineiro de gesso.

O cortineiro é uma peça geralmente pensada em conjunto com o desenho do forro de gesso do ambiente, ou seja, é necessário que a cortina chegue até próximo ao teto para que esse elemento possa ser utilizado.

Há dois tipos de cortineiro: o embutido e o sobreposto ao teto. Os cortineiros embutidos são os que ficam internos ao forro e  os sobrepostos são os que utilizam uma peça abaixo do forro para o acabamento. Também há no mercado os cortineiros iluminados, para quem quer dar destaque as janelas e cortinas. Mas isso é outro assunto…

Quanto as dimensões, a profundidade ideal da peça é 15cm e a mesma medida pode ser considerada para o afastamento da parede. Nas laterais da cortina pode-se deixar de 10 a 20cm para o encaixe do trilho.